Seguro de carro alugado é um assunto que a gente quase nunca se lembra quando planeja uma viagem, até que precisamos usar.

Contratempos são as únicas coisas que a gente não quer que aconteça numa viagem, mas o nome ‘imprevistos’ é justamente sobre coisas que não podemos evitar por falta de previsão.

Escrevi esse post para te ajudar a compreender o seguro de carro alugado, como funciona e tudo o mais que você precisa saber.

Como funciona o seguro de carro alugado?

As locadoras de carro já estão asseguradas contra ocorrência de acidentes e cada uma delas possui seu próprio sistema de acionamento de seguro.

Caso se envolva em um acidente, verifique se os danos são apenas materiais e sinalize devidamente. Faça o boletim de ocorrência, porque é por ele que a locadora irá avaliar os danos e garantir a assistência necessária. Informe a locadora imediatamente.

Seguro de carro alugado - tudo o que você precisa saber

Quais são as coberturas de um seguro de carro alugado?

Os tipos de danos que a seguradora cobrirá depende de cada locadora, já que cada uma possui suas políticas e tarifas. Para conhecê-las, você deve ler o contrato de locação.

Se mais de uma pessoa for dirigir o veículo, informe o condutor adicional, pois o seguro de carro alugado não cobre acidentes envolvendo motoristas não autorizados.

As coberturas vão das básicas, que protegem contra batidas ou roubos, às coberturas adicionais, que incluem danos a terceiros e até seguro de vida em caso de morte. Mas é sempre necessário incluir um valor adicional, chamado de franquia.

Os tipos de seguro de carro alugado

Quando for alugar um carro, veja no contrato qual tipo de seguro terá e saiba mais sobre cada um e suas coberturas:

Seguro CDW ou LDW

CDW (Collision Damage Waiver) ou LDW (Loss Damage Waiver) é o seguro básico, que cobre roubo, perdas ou danos causados em um carro alugado. Essa cobertura te isenta de qualquer responsabilidade financeira.

Mas fique atento: caso o acidente tenha sido causado em decorrência da infração de alguma lei de trânsito, haverá quebra contratual.

Seguro SLI / EP / LP

SLI (Supplemental Liability Insurance) / EP (Extended Pretection) / LP (Liability Protection).

Esses seguros oferecem proteção contra lesões corporais e danos a propriedades de terceiros. O valor estipulado da cobertura estendida pode ser chegar U$ 1 milhão (veja na cláusula específica no seu contrato de locação) para danos físicos e materiais causados a terceiros e também inclui cobertura em caso de ferimentos, invalidez e morte causados pelo locatário.

As coberturas adicionais do seguro de carro alugado

Caso queira, você pode contratar proteções adicionais ao seu seguro. Essas proteções são opções e podem ser oferecida no balcão da locadora. São elas:

Seguro de carro alugado - tudo o que você precisa saber

PEC (Personal Effects Coverage)

Cobertura para Bens Pessoais – Protege em casos de perda ou dano de pertences pessoais do locatário e de sua família, residentes no mesmo endereço. Alguns tipos de objetos podem não estar cobertos, por isso é bom consultar a locadora antes de optar pela PEC.

PAI – (Personal Accident Insurance)

Seguro de acidentes pessoais que fornece benefícios para despesas médicas a você e aos passageiros do veículo.

O seguro do cartão de crédito

Os cartões de crédito oferecem seguro de aluguel de carro que cobre apenas danos ao veículo alugado, não garantindo cobertura para danos físicos e nem a bens e materiais de terceiros.

Outra coisa importante: o cartão de crédito cobre apenas a categoria compacta de veículos, excluindo carros de luxo ou conversíveis.

Antes de contar apenas com o seguro do seu cartão de crédito, entre em contato com a administradora atualizar as condições e coberturas.

Pronto! Agora é só alugar seu carro pela ReserveCar e se sentir seguro e protegido nas suas viagens de carro. E por falar nisso, já viu nossos roteiros? Aposto que vai adorar!